Segundo uma amiga, sua rotina de trabalho não permite perder tempo pilando tempero, descascando alho e picando cebola todo dia por isso acaba recorrendo aos temperos prontos. Se você é dessas, vai amar essa receita de molho verde.

O molho verde é pra você abolir (de vez) aqueles temperos prontos cheios de gordura hidrogenada, sódio, glutamato monossódico e outras bombas que detonam a saúde de qualquer um.

Essa receita rende muito, pode ser guardado na geladeira por até 3 meses e é bem fácil de fazer.

Veja como é simples

Ingredientes par ao molho verde:

  • 1 cebola roxa grande cortada em cubos
  • 2 tomates cortados em cubo
  • 1 Maço de cheiro verde bem picado
  • 2 cabeças de alho grande, descascados
  • 1 colheres (sopa) de azeite
  • 2 colheres (chá) de sal (opcional)
  • cominho à gosto
  • Pimenta do reino à gosto

Preparo do Molho Verde:

  • Em primeiro lugar triture a cebola e o tomate para ter a base líquida antes de colocar o cheiro verde.  Vá colocando o tomate e a cebola aos poucos no liquidificador e à medida que for triturando, vá adicionando mais
  • À primeira vista  a mistura vai parecer pesada, mas RESISTA à tentação de colocar água ou qualquer outro líquido para facilitar o processo. Se preciso, desligue o liquidificador algumas vezes e mexa a mistura com uma espátula.
  • Depois que estiver bem triturado, vá adicionando o cheiro verde também aos poucos  e parando de vez em quando para mexer, se ficar muito grosso (tudo vai depender do volume do maço de cheiro verde que você estiver usando)
  • Em seguida coloque o alho e os demais ingredientes. Triture bem até ficar homogêneo. 
  • Por fim, guarde em potes de vidro com tampa (vai render bastante) e conserve na geladeira.

Use para temperar feijão, molhos, sopas, massas e tudo o mais que sua imaginação sugerir

Como usar seu molho verde

Este molho é excelente substituto para os populares caldo de legumes e temperos prontos, e tem a vantagem de não ter aditivos químicos nem glutamato monossódico (que provoca enxaqueca, dentre outros males).

Além disso ele é super versátil e combina com praticamente tudo.

Por exemplo, você pode usar o molho verde para temperar:

  • feijão
  • macarrão
  • arroz
  • molhos 
  • sopas
  • pratos a base de legumes
  • nos muitos preparos de “carnes” veganas como hambúrguer, carne de jaca, carne de casca de banana, carne de caju, etc.
  • e até diretamente no prato como se fosse um molho de pimenta (por causa do alho, fica bem picante)

Esta receita foi apresentada na minha primeira oficina de culinária  e fez o maior sucesso no Hambúrguer Vegetal que eu fiz. 

Por fim, esse molho verde é uma mão na roda pra quem tem a vida agitada e não pode perder muito tempo na cozinha.

Agora que você já sabe como fazer o molho verde, que tão ver essa receita de hambúrguer de grão de bico temperado com ele?

Hambúrguer de Grão de Bico – Sem glúten

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *